Constipada, … e entupida de preocupações!

Estamos a tempo inteiro dedicadas ao nosso rebento e tentamos que nada de mal lhe aconteça. Fazemos de tudo para o proteger de todo e qualquer mal, desde o início até ao fim do dia, enquanto vestimos orgulhosamente as nossas capas de “super-mães”! Mas, eis que chega o dia em que nos constipamos e ficamos, literalmente, “entupidas de preocupações”!

E agora, o que é que eu faço? A pequena não pode ficar constipada! Alerta total! Mãe galinha em acção, toca a proteger a cria! Pois é, … mas e quando somos nós que tratamos deles a toda a hora, sem avós por perto, sem outra alternativa que não seja, … partilhar a bem-dita da bicharada que trouxemos sabe-se lá de onde! Bem que gostava de poder mudar fraldas à distância, dar banho por telepatia ou amamentar sem a mínima possibilidade de partilhar as “bicharecas”, … mas os poderes de “super-mãe”, infelizmente, ainda não atingiram tal nível de perfeição! Senhores cientistas, afinem os vossos conhecimentos e apliquem-nos à maternidade, que nesta altura dava um jeito tremendo! Vale a preciosa ajuda do pai que, todo vaidoso, desfila com a pequena pela casa fora para ajudar a toda a hora (sim, porque estar parada não é com ela, e ainda bem!). Obrigada pai, sem ti, eu e a Eva partilharíamos muito mais deste malandro vírus que veio de mansinho com o chegada do Outono!

Concentração de forças e energias, é chegado o momento, procedimentos a operar: 1) respirar menos para cima da pequenita, 2) reduzir o número de beijos por minuto (a parte pior de todas, mesmo quando comparada com todas as vezes que tenho de me assoar, por água do mar para descongestionar o nariz ou colocar algum creme nos lábios e no nariz que estão vermelhos de tanto lenço verem passar à frente!), 3) limitar o contato físico ao mínimo indispensável… E isto custa tanto…

É assim que estamos cá por casa! Só espero que todos estes dias de “sacrifícios” de mãe dêem resultado e que a Eva passe ao lado da sua primeira constipação! Ora vamos lá deixar isso para daqui a uns tempos que amor temos muito para partilhar, mas os bichinhos da constipação quero-os todos só para mim! E ainda dizem que as mães são altruístas e gostam de dar tudo aos seus filhos! Gostar, gostar, … gostamos, … mas há coisas que preferimos guardar só para nós, e esta, é uma delas!

2 comentários em “Constipada, … e entupida de preocupações!”

  1. Pois é joaninha a pior parte para as mães nem é estar constipadas é ter de reduzir o contacto com os nossos rebentos… Espero que melhores rapidamente para poderes encher a Eva com todos os miminhos e beijinhos que estas a guardar dentro de ti… Beijinhos com saudades e as melhoras muitos beijinhos para a pequena Eva 💋💕💗

    1. Olá Marta! É mesmo! Ter de reduzir todo o tempo que passamos com eles é o que mais custa! Lenços e assoadelas são o menor dos males! Felizmente jà me sinto um pouco melhor, não tarda recupero com a Eva todos os beijos e miminhos em falta!!! Um beijinho também para vocês!

Leave a Reply