Como terapeuta da Fala, como CAM (conselheira em aleitamento materno) e como mãe, tantas são as mamãs que me fazem esta questão! No blog, na página de facebook, no instagram, … vejo-a tantas vezes em tantos grupos, … tantas mamãs a desesperar e a procurar logo o leite artificial, os suplementos alimentares, …

Mas, as dicas podem ser bem mais básicas e fáceis de por em prática,… dicas mais económicas e simples, e quase todas elas dependem da nossa dedicação enquanto mães, cuidando dos nossos filhos e, ao mesmo tempo, cuidando de nós, pois só estando bem connosco próprias lhes podemos proporcionar o melhor início de vida!

Várias são as dicas que deixo com as mamãs, e tenho feito este aconselhamento várias vezes, daí a necessidade de hoje escrever este texto, dando a informação a todas vocês, para que se sintam mais fortes, seguras, capazes! Como digo sempre, “somos mães, somos guerreiras!”. São estas as nossas palavras de ordem aqui no blog, as que incentivam as mães e famílias que nos procuram! É este o nosso lema, e acreditamos nele, com toda a força e energia positiva! 🙂

Muitas mamãs referem que sentem o peito mais pequeno ao fim de algumas semanas e meses, … e ficam preocupadas! A isto se junta o mito do leite fraco, do leite que seca “de um dia para o outro”, as “bocas” que vão ouvindo “das más línguas”, os palpites não pedidos, as críticas indesejadas, …

A primeira coisa que vos quero dizer, a vocês, mães guerreiras, é que com o tempo o peito tende a não encher como nos primeiros tempos. Sim, porque o leite materno é tão poderoso e o nosso corpo tão eficiente que, rapidamente, se adapta à quantidade de leite que os pequenos precisam. Assim, peito menos cheio não quer necessariamente dizer que não tem leite, mas que produz tal e qual a quantidade que o nosso bebé lhe solicita.

O nosso corpo, mais concretamente, a mama, não é um armazém de leite como muitos pensam! É sim uma grande fábrica que produz tanto mais leitinho quando mais o bebé estimular com a sucção, com o seu toque, com as suas carícias. Ver o bebé, ouvir o seu choro, pode ser poderoso. O corpo responde de imediato!

Vem depois a mítica questão do leite materno vs leite artificial. Sim, se se dá leite artificial, menos o bebé mama, … menos o peito é estimulado, … aí sim, o leite chega ao fim, mais provavelmente.

Outras das dicas que deixo com as mamãs é a da “Amamentação em Livre Demanda”, pois relógio temos nós, … os bebés sabem lá o que é isso! Duas horas entre mamadas, … três, … até podem ser quatro ou cinco e na mamada seguinte o bebé não aguentar nem uma hora. Podemos até estar a passar por um Pico de Crescimento, e nem se distinguirem mamadas, tais são as necessidades do bebé. Nesta fase o medo das mães cresce tanto, os mitos ganham tanto terreno. Deste tema vos falarei em breve!

Dêem maminha sempre que o bebé queria, dêem colo, colo sem fim, … sigam o vosso instinto de mães, nada mais!

Importante para aumentar a produção de leite é ainda o bem estar da mãe. A mãe deve fazer uma alimentação rica, variada, várias vezes ao dia. Deve hidratar-se bem, reforçando a hidratação após as mamadas. Comer, caso seja necessário, também após dar maminha. Deve também ter momentos de relaxamento, de descontração, um sono reparador sempre que o consiga, ou pequenas sestas sempre que o bebé o permita. Só assim, com o seu próprio bem estar, consegue o melhor de si para o seu bebé!

Se for necessário, pode ser realizada uma massagem de estimulação ao peito antes de cada mamada. Assim, o peito vai sendo estimulado antecipadamente, como se o próprio bebé o fizesse. Também eles, quando chegam à mama, fazem algumas suções preparatórias e que “acordam” a mama. O nosso corpo é mesmo engenhoso!

E, por fim, talvez o fator mais importante. A pega da mama está a ser bem feita? Não é “normal” que amamentar cause dor constante na mãe e este fator deve sempre ser salvaguardado. Uma pega eficaz é sempre meio caminho andado para o sucesso da amamentação efetiva.

E se mais alguma dúvida surgir, cá estamos sempre, tanto aqui no blog, como no facebook (https://www.facebook.com/joanaaterapeutaeamae) ou mesmo no grupo de facebook “Amamentar sem Barreiras” (https://www.facebook.com/groups/1856167234447623/)! Pela maminha, … sempre!

Foto: freepik.com


0 comentários

O leite artificial sacia mais, … mas sabe realmente porquê? – Joana a Terapeuta… e a Mãe! · 14 de Março, 2019 às 0:12

[…] mito do leite fraco (aqui), os picos de crescimento (aqui), … sobre tudo isso temos aqui falado no blog. Mas, porque se diz […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *